POLÍTICA

Vereador faz cobranças ao Executivo

Na sessão da última quarta-feira (20) o vereador Jamilson Frota (PODEMOS), no uso da tribuna da Casa chamou a atenção de seus pares para a forma como vem sendo tratado pelo executivo.

De acordo com o vereador desde o início do ano que tem muitas solicitações que não são respondidas pelo executivo o que tem deixado em situação delicada a relação entre os poderes.

Outra reclamação do vereador foi com relação a um serviço realizado na Rua Osvaldo Cruz no bairro Cidade Alta I para escoamento da água da enxurrada que tem causado problema aos moradores do perímetro.

Problema

Em dias de chuvas a água invadia a pista e dificultava a trafegabilidade e um trabalho de contenção foi feita com uma abertura no asfalto para favorecer a descida da água e sobre a abertura foi colocada um tablado colocando em risco a circulação dos condutores. Nos últimos dias o tablado foi queimado e um novo trabalho foi feito, mas não agradou a população, pois continua trazendo os mesmos transtornos aos condutores.

Jamilson também pediu a base do Governo que faça chegar a este e a Secretaria de Saúde a denúncia de pacientes que relataram ao vereador a demora no atendimento de emergência, onde servidores pedem para os pacientes aguardarem na fila de espera.

Esta reclamação foi reiterada por Izailton de Sousa (PSDB) que frisou o uso da internet e redes sociais como empecilho no ambiente de trabalho. O vereador cobrou que os superiores devem estar atentos a esta situação que atrapalha o desenvolvimento do Governo.

“Não sei o que está acontecendo, requerimentos até agora não foram nos respondidos, não sei o problema está na Assessoria ou no próprio prefeito que não está levando a sério a Câmara Municipal. Estamos parecendo uns ‘Palhaços de gravatas’”, reclamou Jamilson.

Mojuí na Íntegra
Jornalismo Cidadão, Mídia Ativismo e Comunicação Popular
http://www.mojuinaintegra.com.br

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.