MUNICÍPIOS SAÚDE

Belterra: Por decreto, Prefeitura suspende por 15 dias transporte coletivo intermunicipal

Medida foi tomada para evitar a circulação de pessoas entre Belterra e Santarém e com isso evitar a contaminação. O prefeito é um dos dois que testaram positivo para a Covid 19.

Ônibus que faz linha intermunicipal Belterra/Santarém.

A Prefeitura de Belterra no Oeste do Pará tomou uma medida mais enérgica em relação ao enfrentamento ao novo coronavírus no município. Por meio de um decreto (Decreto 55/2020), o prefeito Jociclélio Macedo, determinou a proibição do transporte coletivo de passageiros nos trechos intermunicipais, com destino ao município de Santarém, e também a entrada em Belterra de coletivos oriundos de Santarém pelo prazo de 15 dias.

Em entrevista ao G1 Santarém, o prefeito justificou que a decisão foi tomada durante reunião do comitê de crise que ocorreu nesta quarta-feira (06). Jociclélio reforçou que é preciso adotar medidas restritivas, mais severas, porque a situação em Santarém está se complicando, já tem mais de 150 casos confirmados, e é claro que o número é bem maior que isso, porque só estão sendo testados os casos mais graves. Para o prefeitos, 80% que não precisam de internação não fazem o teste e apresentam o perigo de contaminação.

Para o prefeito Macedo, a proibição do transporte coletivo é uma medida restritiva para evitar que o novo coronavírus avance no município que tem apenas dois casos confirmados de Covid-19. O prefeito é um dos confirmados.

Em abril, o prefeito já havia restringido, também por decreto, a circulação de pessoas. Primeiro, proibindo idosos de andar nos ônibus de linhas intermunicipais. Depois, proibiu o trânsito de estudantes utilizando meia-passagem, uma vez que não estava havendo aulas nas escolas e faculdades. Estudantes que apresentassem declaração de que havia necessidade de transitar, poderiam usar a sua carteira de meia-passagem. E por último a Prefeitura decretou que todos os ônibus que saíssem de comunidades rurais do município tivessem como destino final o centro de Belterra, ficando proibido o seu trânsito para Santarém. Mas nem empresários e nem os usuários estavam cumprindo a determinação.

Como o comitê de crise avaliou que essas medidas não surtiram efeitos, sugeriu endurecer ainda mais as restrições no enfrentamento ao novo coronavírus.

Jociclélio Macedo, testado positivo para o COVID 19, não está dando expediente na prefeitura e nem atuando como médico em razão da quarentena, porém garantiu que está chegando ao fim do período da quarentena e em plena recuperação da infecção causada pela doença.

Com informações do G1 Santarém – Eduardo Enrique/Portal Mojuí na Íntegra

Mojuí na Íntegra
Jornalismo Cidadão, Mídia Ativismo e Comunicação Popular
https://www.mojuinaintegra.com.br

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.