EDUCAÇÃO EVENTOS MUNICÍPIOS SOCIAL

Cultura e linguagem cabocla puxam quermesse de Escola do planalto em homenagem ao aniversário de Santarém

Barracas sendo construídas para a festa junina da Escola Santa Cruz. foto: Eduardo Enrique

Sábado, 22 junho, será feriado municipal em Santarém. É dia de comemorar o aniversário da cidade mocoronga e a Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental Santa Cruz embarca nesse momento de festa e realiza neste sábado (22) sua quermesse junina. A Escola, que fica na comunidade Diamantino, é a primeira do planalto santareno pela pa 370, a rodovia estadual Curuá Una.

“Égua! Ulha já!? Santa Cruz no arraiá! Com este nome a quermesse junina vai envolvendo professores, funcionários, estudantes e a comunidade onde a escola está inserida. O nome da quermesse veio com uma proposta de homenagear os mocorongos pelo aniversário da cidade e exaltar a linguagem cabocla, predominante no município, como forma de expressão.

Os preparativos para a quermesse, que já é considerada ‘a maior festa junina das escolas do planalto’, iniciaram no final do mês de maio com a escolha da danças a serem ensaiadas pelos estudantes e também das iguarias a serem ofertadas ao público. Pela primeira vez a escola investe na construção de barracas a com armações em madeiras rústicas e cobertura e cercado de palhas, relembrando as antigas moradias dos moradores da comunidade.

Quem prestigiar vai se encantar com a ornamentação do espaço, se divertir com as danças e se deliciar com as iguarias do momento. Este ano o espaço estar maior, mais espaçoso e confortável pra deixar o público bem acomodado. As danças como sempre trazem inovações e destacam a cultura de nosso município. As iguarias sendo preparadas com toques de amor para o visitante degustar e deliciar. Tudo sendo feito para deixar o público com aquele gosto de quero mais.

A programação está marcada para iniciar as 19 horas. Além das atrações preparadas pela própria escola, são esperadas atrações de destaque no município como danças de carimbó e quadrilhas humorísticas. As atrações de fora vão concorrer a prêmios.

Estudantes do Pré 1, Pré 2 e 1º Ano em uma mistura de rítimos vão levar ao público “No Embalo Infantil”; estudantes do 1º ao 4 Ano vão apresentar a dança “Encantos da Nossa Terra” em rítimo de carimbó. A dança vai destacar o açaí, a tapioca e o tacacá, alimentos presentes no dia-a-dia da culinária santarena. Alunos do 6º ao 9º vão levar ao público a dança “Magia de Carimbó”.

De acordo com a coordenação, as mais 40 mesas, colocadas a vendas, já foram adquiridas.

Então para esse fim de semana, temos uma boa opção pra gosta de um “Arraiá na roça”. É só seguir para a comunidade Diamantino, há 800 metros da Curuá Una. Entrada no KM 09, logo após a ponte do Mararu.

Por Eduardo Enrique/Portal Mojuí na Íntegra

Mojuí na Íntegra
Jornalismo Cidadão, Mídia Ativismo e Comunicação Popular
https://www.mojuinaintegra.com.br