MOJUÍ DOS CAMPOS ORGANIZAÇÃO SOCIAL

Mojuí dos Campos: Agricultores familiares estreiam iniciativa de vendas por APP de mensagens

A iniciativa partiu da UFOPA, por meio do Instituto de Ciências da Sociedade – ICS, que desenvolve o projeto Incubadora de Empreendimentos Solidários e teve como público associados do STTR de Mojuí dos Campos.

Associados do Sindicato dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares – STTR de Mojuí dos Campos no Oeste do Pará vão fazer parte de uma iniciativa inovadora proposta pelo projeto Incubadora de Empreendimentos Solidários vinculada ao Instituto de Ciências da Sociedade (ICS) da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa). Os agricultores familiares que participam de uma feira orgânica na Universidade, mas que estava suspensa devido a pandemia, foram convidados a retomar as atividades, desta vez se apropriando da tecnologia para chegar ao cliente. Os agricultores vão comercializar seus produtos em uma rede de vendas de cestas de produtos por meio de aplicativo de mensagens.

De acordo com Sileuza Nascimento, Secretária Geral do STTR, a entidade foi procurada pela coordenadora da incubadora, para que os agricultores pudessem organizar cestas de produtos orgânicos a fim de comercializar, usando o aplicativo de mensagens. Sileuza disse que a resposta foi positiva, pois será uma forma de oferecer produtos de qualidade e também de dar condições ao agricultor vender sua produção nesse momento que a feira está suspensa. “Fomos procurados pela coordenadora da incubadora, que no perguntou se tinha como a gente organizar cestas de produtos orgânicos, e nossa resposta foi sim. Estamos organizando as cestas e nesta quinta-feira o carro da UFOPA vem buscar. Já tem muitos pedidos”, ressaltou Sileuza.

A sindicalista informou que estão sendo organizadas cestas no valor de R$ 50,00 (cinquenta reais) e cestas no valor de R$ 30,00 (trinta reais).

Além de vender, a iniciativa quer abastecer as casas com sentimentos de positividade e ajudar a superar esse momento de pandemia. Assim, os produtores agroecológicos ofertam à comunidade duas opções de cestas de produtos. A cesta “Renovação” que custa o valor de R$ 50,00 e a cesta “Confiança” no valor de R$ 30,00, conforme os produtos descritos abaixo, além de galinhas caipiras no valor de R$ 45,00.

Cesta Renovação R$ 50

Abacaxi: R$ 2,50 Kg; Lote de Limão: R$ 2,00; Farinha: R$ 5,00; Cheiro verde: R$ 1,00; Pimentinha: R$ 1,00; Couve: R$ 1,00; Alface: R$ 2,50; Tapioca: R$ 4,00; Laranja: R$ 4,00 a dúzia; OvosR$ 6,00 meia dúzia; Macaxeira: R$8, 00; Banana: R$ 4,00; Maxixe: R$ 2,00 a dúzia; MamãoR$ 2,00 meio Kg; Jerimum: R$ 2,00; Castanha do Pará: R$ 4,00; AcerolaR$ 4,00. Total: R$ 50,00. Fonte: Ufopa

Cesta Confiança R$ 30

Abacaxi: R$ 2,50; Limão: R$ 2,00; Cheiro verde: R$ 1,00; Pimentinha: R$ 1,00; Couve: R$ 1,00; Alface: R$2,50; Tapioca: R$ 4,00; Laranja: R$ 4,00; Macaxeira: R$ 2,00; Banana: R$ 4,00; Maxixe: R$ 2,00; Mamão: R$ 2,00; Jerimum: R$ 2,00. Total: R$ 30,00. Fonte: Ufopa

A ação é fazer uma retomada, mesmo que provisória, das atividades da Feira da Agricultura Familiar, que funciona na Ufopa e que teve que ser paralisada por conta da situação da pandemia do novo coronavírus. Um dos papéis principais da feira é fomentar os circuitos curtos de comercialização, que são essa relação direta entre produtor e consumidor.

“Os circuitos curtos têm inúmeras vantagens e benefícios porque fomentam a agricultura local, geram renda, o dinheiro acaba circulando localmente, e também servem como geração de renda para os produtores da agricultura familiar; e neste momento de pandemia eles têm se apresentado como um bom caminho para a questão da distribuição do alimento, visto que as grandes cadeias globais de alimentação estão comprometidas por conta da paralisação dos fluxos de transporte e de comércio”, esclareceu a professora Zilda Gama dos Santos.

Pedidos

Os pedidos podem ser feitos por meio de aplicativo de mensagens nos telefones da professora Giselle Alves (93) 99121-3080, e professora Zilda Gama (93) 98404-9559. Os pagamentos serão feitos diretamente na conta dos integrantes do Sindicato Rural e os dados serão repassados pelas professoras, logo após a reserva dos produtos.

Entrega

As encomendas devem ser feitas até às 12h desta quarta-feira (6), já as cestas devem ser retiradas na quinta-feira (7), logo na entrada da Unidade Amazônia da Ufopa, localizada na Av. Mendonça Furtado, a partir das 10h da manhã.

“Faz parte desta nossa estratégia garantir o abastecimento da cidade e também o escoamento da produção dos produtores familiares que não têm transporte. Essa produção estava se perdendo porque eles não conseguem escoar e trazer para a cidade”, afirmou a professora Gisele Alves Silva (ICS).

A Feira da Agricultura Familiar funcionava semanalmente na Unidade Amazônia da Ufopa e está paralisada desde meados do mês de março. Os veículos para transportar os produtos foram cedidos pela Ufopa, informou a professora, que ressaltou o apoio do sindicato STTR, da Reitoria e da Coordenação de Transportes da universidade nesta ação.

A primeira experiência de entrega das encomendas será na quinta-feira. “Se tudo der certo, a gente pretende ampliar para outras organizações que fazem parte da feira”, concluiu a coordenadora.

Com informações do G1 Santarém – Eduardo Enrique/Portal Mojuí na Íntegra

Mojuí na Íntegra
Jornalismo Cidadão, Mídia Ativismo e Comunicação Popular
https://www.mojuinaintegra.com.br

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.