MOJUÍ DOS CAMPOS POLÍTICA

Mojuí dos Campos: Em sessão extraordinária, Câmara Municipal aprova projetos de reestruturação administrativa, criação de cargos e contratação de servidores

Os projetos foram enviados pelo executivo municipal na terça-feira (14) para apreciação, discussão e votação. Desde 18 de março o parlamento não reuni, como medida de evitar aglomeração.

Sessão extraordinária nesta sexta-feira (17) com medidas para evitar aglomerações e vereadores e servidores usando máscaras. Foto Eduardo Enrique.

Na manhã desta sexta-feira (17), os vereadores de Mojuí dos Campos no Oeste do Pará voltaram a reunir, desta vez de forma extraordinária. Os parlamentares foram convocados pelo presidente para a apreciação de três projetos do executivo municipal que tratam sobre a reestruturação administrativa, criação de cargos para a assistência social e para a autorização de contratação de servidores temporários.

O primeiro a entrar em pauta foi o projeto que dispõe sobre a alteração da Lei n° 103/2019, que alterou a Lei de estrutura administrativa n° 001/2013. A reestruturação administrativa deve ser feita tendo em vista a criação do Centro de Referência em Assistência Social – CREAS, nova estrutura na SEMTRAS e novos cargos em decorrência da montagem de equipe para lidar com a pandemia do coronavírus no município. O projeto foi aprovado por todos.

O segundo da pauta foi Projeto de Lei que dispõe sobre a criação de novos cargos para atender as necessidades da política nacional de assistência social do município. O projeto alterou a Lei n° 057 de 17 de novembro de 2015 e a Lei n° 109, de 10 de outubro de 2019 e foram criados os novos cargos para atender as necessidades da política nacional de assistência social; II – Coordenação de proteção social básica;
a) Orientação social;
b) Entrevistador social; e
c) Digitador social e II – Coordenação de proteção social especial de média complexidade; e
a) Orientador social.

O último da pauta, foi o Projeto de Lei que dispõe sobre autorização para contratação de pessoal por tempo determinado, para atender a necessidade temporária e excepcional de interesse público. O debate nesse se acalorou quando o vereador Marco Antônio – MDB, argumentou que não via necessidade da contratação de 25 professores, por exemplo, visto que apenas 02 escolas voltaram a funcionar. O projeto foi aprovado por unanimidade. Vão passar a existir, a partir do texto vagas na área da Educação: professor, auxiliar de conservação, auxiliar administrativo, auxiliar operacional de segurança e pedagogo; na área da Saúde: enfermeiro, médico, auxiliar administrativo, auxiliar operacional de segurança, auxiliar de conservação e agentes de endemias; na Infraestrutura: auxiliar de operação de serviços gerais e na Assistência Social: Auxiliar administrativo e auxiliar de operação de serviços gerais. Ao todo 84 postos de trabalhos foram criados.

Nesta seção, ainda foi aprovado projeto que suspende o desconto em folha de empréstimos de servidores públicos municipais. O projeto de autoria do vereador Jamilson Frota, teve sua entrada na pauta e tramitação questionada pelos vereadores Everaldo Camilo e Marco Antônio. Camilo alegou que não se tratava de matéria na convocatória portanto não fazia parte da pauta e Marco Antônio questionou o rito de tramitação, pois o projeto foi apresentado ao plenário na seção de hoje e nesta foi aprovado sem passar tramitar nas comissões da Casa. O projeto foi aprovado por 07 dos vereadores dos 09 vereadores.

Por Eduardo Enrique/Portal Mojuí na Íntegra

Mojuí na Íntegra
Jornalismo Cidadão, Mídia Ativismo e Comunicação Popular
https://www.mojuinaintegra.com.br

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.