EVENTOS MOJUÍ DOS CAMPOS RELIGIÃO

Mojuí dos Campos: Igrejas têm autorização para reabertura

Por meio de um decreto municipal, as igrejas podem iniciar suas reuniões a partir deste domingo (21). As igrejas católicas continuam com suas atividades suspensas até 30 deste mês, seguindo um decreto da Arquidiocese de Santarém.

Com informações da Prefeitura – Eduardo Enrique/Portal Mojuí na Íntegra

Igrejas já podem realizar seus cultos, missas e demais eventos a partir deste domingo (21) de acordo com decreto da Prefeitura de Mojuí dos Campos no Oeste do Pará. Os espaços de encontro religioso devem seguir algumas normas de normas de segurança e combate a Covid-19, como por exemplo a lotação máxima de 40% da capacidade dos Templos ou Igrejas, desde que esse número não ultrapasse 100 pessoas.

Para reabrirem esses locais precisam disponibilizar álcool em gel  para a higienização das mãos e manter a distância de 2 metros ou uma cadeira vaga entre os fieis. É proibida a permanência de idosos acima de sessenta anos e de crianças menores de 12 anos nesses locais de oração, com exceção do líder religioso de cada Igreja.Também ficam proibidos o contato físico entre as pessoas e  a entrada e permanência de pessoas sem a máscara facial.

Fica determinada a realização da medição da temperatura corporal com termomêtro infravermelho, na falta deste equipamento deve ser feito o uso de termomêtro  pessoal para que o participante possa comprovar sua temperatura de 37ºC. Os Templos e Igrejas devem adotar todos os protocolos sanitários para evitar a proliferação da covid-19.

Algumas igrejas evangélicas já fizeram a reabertura de seus templos. As igrejas católicas continuam sem atividades, seguindo decreto da Arquidiocese de Santarém.

Mojuí na Íntegra
Jornalismo Cidadão, Mídia Ativismo e Comunicação Popular
https://www.mojuinaintegra.com.br

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.