MOJUÍ DOS CAMPOS POLÍTICA

Mojuí dos Campos: Projeto que aumenta 02 vagas na Câmara Municipal continua parado e divide opnião de vereadores

O projeto de Lei que propõe alteração no número de integrantes, a partir  de 2021, na Câmara Municipal de Mojuí dos Campos continua parado e dividindo opnião de vereadores e também da população.

Pelas informações de bastidores, o projeto tramitou e tem parecer favorável da Comissão de Constituição e Justiça – CCJ da Casa. A CCJ é presidida pelo vereador Teté do PSDB.

Desde quarta-feira passada (04) a entrada do projeto na pauta de apreciação é aguardada com expectativa, principalmente por lideranças contrárias à sua aprovação.

Nesta quarta (11) mas uma vez ficou sob suspense sua apreciação. O Portal Mojuí na Íntegra apurou que, o projeto não é de consenso de todos os 09 vereadores da Casa e portanto todos os cuidados sobre a constitucionalidade da matéria estão sendo averiguados pela presidência.

Nossa reportagem foi informada que o projeto está sob análise da Procuradoria da Câmara e que deve entrar em pauta na próxima sessão.

Pelo menos 05 vereadores se posicionaram favoráveis a aprovação do projeto. Teté, Izailton e Beto (PSDB) Jesa (PSC) e Everaldo Camilo (MDB) já tem votos definidos pelo sim. Por outro lado Suely Araújo (DEM), Arnaldo Galvão (PSC), Marco Antônio (PSDB) e Jamilson (PODEMOS) se posicionaram contra. De um lado os favoráveis defendem que o município só tem a ganhar com mais dois integrantes e que com a aprovação, apenas vão cumprir a constituição. De outro lado, os contrários justificam que o acréscimo de 02 vereadores vão onerar custos do legislativo.

O PSB, Partido Socialista Brasileiro, por meio de seu presidente e pré-candidato a prefeito, Emerson Silveira, também tem se manifestado contrário ao aumento de mais vereadores.

Por Eduardo Enrique/Portal Mojuí na Íntegra

Mojuí na Íntegra
Jornalismo Cidadão, Mídia Ativismo e Comunicação Popular
https://www.mojuinaintegra.com.br

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.