MUNICÍPIOS

Santarém: E+ Comunidade chega a zona leste da cidade

A expectativa é garantir mais proximidades com os clientes, oferecendo serviços diversos e garantindo oportunidades de negociação de dívidas.

Ano passado, mais de 5.800 lâmpadas foram trocadas gratuitamente pela população de Santarém, graças a iniciativa da Equatorial Energia Pará. A proposta garante mais economia na conta de luz, a partir da troca de lâmpadas fluorescentes e incandescentes, por outras mais modernas, de tecnologia LED (consideradas até 80 por cento mais econômicas); e de orientações sobre consumo consciente de energia elétrica.

A ação tem continuidade em 2020 por meio do projeto E+ Comunidade, que leva técnicos e atendentes da Equatorial Pará para mais perto dos clientes, oferecendo diversos serviços, como negociação de débitos e cadastro no Programa Tarifa Social. Nesta terça-feira, 18, os moradores do bairro São José Operário e dos bairros adjacentes serão contemplados.

O atendimento inicia às 9h e vai até 11h30. Os interessados em fazer troca das lâmpadas devem apresentar RG e CPF do titular da conta contrato e levar as que estavam em uso. É preciso, porém, que estejam em dia com as faturas. Cada cliente pode trocar até cinco lâmpadas.

TARIFA SOCIAL – O cadastro na Tarifa Social, benefício criado pelo Governo Federal, concede descontos na tarifa de energia elétrica às famílias de baixa renda. Para ser beneficiado, basta o cliente apresentar o Número de Inscrição Social (NIS) e os documentos pessoais. Os descontos podem chegar até 65%, dependendo do consumo do cliente.

Por Ascom/Equatorial Energia Pará

Mojuí na Íntegra
Jornalismo Cidadão, Mídia Ativismo e Comunicação Popular
https://www.mojuinaintegra.com.br

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.