EDUCAÇÃO MOJUÍ DOS CAMPOS POLÍTICA

Titular da SEMED emite nota sobre os ajustes no salário dos professores

A SEMED se posicionou após professores concursados e efetivos entrarem em estado de greve na última quinta-feira (18).

Texto: ASCOM/PMMC

Em relação a Gratificação dos professores:
A respeito da adequação de gratificações dos professores, a Prefeitura de Mojuí dos Campos, através da Secretaria Municipal de Educação (Semed), informa que todas as medidas tomadas tiveram base legal, respeitando todos os direitos dos educadores.

Nota da SEMED.

O que realmente estava acontecendo era um vício antigo que redobrava a carga-horária dos professores concursados de 20h para 40h semanais, alterando o regime de trabalho e acabava criando um novo cargo, sem concurso público, situação que viola a Constituição Federal, norma infraconstitucional, artigo 37, incisos II e IX.

É importante deixar claro que são 158 Concursados e apenas cerca de 22 professores que ganhavam como se tivessem dois concurso, tiveram seus vencimentos ajustados a carga horaria dos seus editais de concurso.
Além disso, o país inteiro enfrenta uma grave pandemia por conta da COVID-19, o que forçou a suspensão das aulas presenciais da Rede Municipal, desde o dia 19 de março de 2020. O ano letivo de 2020 foi oficialmente encerrado dia 31/12/2020 pelas portarias n° 01, de 07 de janeiro de 2021, e n° 003, de 12 de janeiro de 2021. Assim, o pagamento de janeiro deste ano dos professores seguiu os editais dos concursos.

Com isso, a Semed ressalta que todas as medidas legais cabíveis já estão sendo adotadas para corrigir qualquer erro ou vício que não contribua para o desenvolvimento legal da administração pública.

Mojuí na Íntegra
Jornalismo Cidadão, Mídia Ativismo e Comunicação Popular
https://www.mojuinaintegra.com.br

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.